4 de agosto de 2017

Dicas para ser efetivado no estágio

Um estágio profissional seguido de uma efetivação pode alavancar rapidamente a carreira do graduando.

Os recrutadores enxergam a efetivação no estágio de forma muito positiva, e isso pode beneficiar o jovem a conquistar novas oportunidades de trabalho, mesmo em início de carreira.

Bom, se ser efetivado no estágio conta muito na carreira e enriquece o currículo profissional, vamos investir nisso, não é?

Entenda a dinâmica da empresa
Mesmo que esteja no início do estágio, já busque entender como é a dinâmica da empresa, isso inclui saber como os funcionários foram contratados, cursos que fizeram, e se existe a política de efetivação. Tudo isso de forma bem discreta, se não tiver abertura para realizar perguntas, não as faça. É melhor obter as informações naturalmente, isso evita que você crie uma imagem de enxerido, o que pode prejudicar, e muito, os planos de uma efetivação.
Entenda também como os setores da empresa se integram, e como o seu trabalho impacta cada setor e serviço/produto final.

Seja mais do que esperam de você
É preciso que demonstre o seu engajamento e que vá muito além do que esperam de você. Realize todas as atividades que forem designadas a você com muita atenção e qualidade, observe o processo e veja como fazê-lo da melhor forma, busque otimizar o processo, se tiver essa liberdade, para que seja concluído com maior velocidade, assim poderá ter mais tempo para assumir novas responsabilidades.

Seja um estagiário “coringa”
Se você compreender bem a dinâmica de integração dos setores e os processos da empresa, poderá oferecer ajuda a algum setor de acordo com suas habilidades, isso vai da recepção a algum desafio logístico, por exemplo.
Se você demonstrar interesse na empresa e não só na sua área poderá ser muito bem-visto, e inclusive fazer com que gestores de outras áreas passem a desejar você na equipe deles.

Manifeste o seu interesse
Demonstre seu interesse em construir uma carreira na empresa, isso não se dá apenas falando diretamente para o seu gestor ou para o RH. Encontre outras formas de demonstrar, como por exemplo fazendo cursos livres voltados para o negócio da empresa, participação em congressos e palestras que possam trazer alguma contribuição para o seu dia-a-dia e dos colegas na empresa. Mostre que você está investindo tempo e energia na empresa e que faz isso porque realmente gosta e quer crescer profissionalmente na organização.

Não desista
Por mais que o estagiário se esforce durante todo o período contratual, muitas vezes ele não é efetivado no estágio. Mas é que, muitas vezes, a efetivação depende de outros fatores, como por exemplo o principal: ter uma vaga aberta. Isso ocorre principalmente em multinacionais, onde o processo de abertura de vagas é muito mais complexo e burocrático do que em pequenas e médias empresas. Mas, mesmo que o contrato encerre e você não seja efetivado, não desista! Se você tiver feito um bom trabalho e deixar uma excelente impressão para gestores e RH, eles podem te chamar quando surgir uma vaga, isso pode acontecer pouco tempo depois do término do contrato ou depois de muito tempo, mas é importante que você faça com que a empresa queira você no time.
Dica extra

Construir uma carreira de sucesso exige muito esforço e energia, é preciso que você esteja certo do caminho que está seguindo, pois passará bons anos da sua vida imerso nisso. Então é importante que você tenha a consciência que, caso você esteja em um estágio que não se identifica, não se prenda a ele apenas visando uma efetivação. Caso o problema seja a área, converse com o RH e veja se há possibilidade de remanejamento interno, mas caso você não tenha se identificado com a empresa, busque outras. A faculdade e o estágio são para aprendizagem, é nessa hora que você pode errar e, claro, aprender com os erros.

 

rh
About mkt

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *