21 de junho de 2017

Emprego com carteira assinada sobe pelo segundo mês seguido

A economia brasileira teve saldo positivo na geração de empregos formais pelo segundo mês consecutivo. De acordo com os dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados nesta terça-feira 20 pelo Ministério do Trabalho, a criação de vagas com carteira assinada superou as demissões em 34.253 em postos. Trata-se do primeiro mês de maio com contratações desde 2014.

O saldo positivo é resultado de 1.242.433 admissões e 1.208.180 desligamentos em maio, o que reverte o resultado negativo de 72.615 vagas fechados no mesmo mês do ano passado. No ano, o saldo é positivo em 48.543 postos de trabalho formais, também uma melhora em relação ao saldo negativo em 448.011 postos de trabalho apurado de janeiro a maio de 2016. Em 2015, na mesma comparação, foi negativo em 243.948 vagas de emprego.

O Ministério do Trabalho informou, porém, que nos doze meses encerrados em maio houve a demissão de 853.665 trabalhadores com carteira assinada.

Os dados do Caged mostram que a criação de empregos formais em maio aconteceu principalmente por conta da agricultura, que abriu 46.049 vagas formais, reflexo do bom desempenho do setor, responsável, inclusive, pela leve expansão da economia registrada no primeiro trimestre deste ano.

rh
About mkt

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *