19 de maio de 2017

Como se destacar em um processo seletivo estando desempregado

Estar sem trabalhar não é justificativa para eliminação

Está sem trabalhar há mais de um ano? Calma, não se desespere! Com o País passando por uma crise econômica e política, muitas pessoas, infelizmente, estão na mesma situação. E desistir nesse caso não é uma boa opção – é preciso ter paciência.
Processos seletivos de emprego são ótimas soluções para quem está em busca de recolocação no mercado de trabalho. No entanto, antes de se inscrever em um, é preciso preparar-se para dar o seu melhor.
Desemprego não é justificativa para eliminar um candidato que esteja participando de um processo. Muito pelo contrário.

SE AUTOANALISE
Você está sendo o profissional que o mercado deseja? Antes de descobrir qual caminho vai seguir, questione-se sobre isso. Quais habilidades você pode aprimorar? Existe algum ponto fraco da sua carreira que você precisa desenvolver?
A partir das respostas, avalie como pode tornar-se um profissional mais qualificado e preparado para ingressar no mercado de trabalho.

APROVEITE O TEMPO PARADO PARA INVESTIR EM SUA FORMAÇÃO
Não fique acomodado só porque está sem trabalhar. Esse, na verdade, é o principal erro que uma pessoa desempregada pode cometer: ficar parado esperando a vida acontecer.
Você já se autoanalisou e descobriu o que precisa melhorar. Que tal investir nessa formação? Ingresse em cursos de idiomas ou relacionados com sua área de atuação. Estude as tendências do mercado que você quer ingressar. Participe de eventos setoriais e faça networking. Na verdade, só de frequentar locais associados à sua profissão, conhecerá pessoas que poderão te ajudar na recolocação.
O mercado está interessado em profissionais que, apesar da crise, souberam aproveitar o tempo livre para se desenvolver. E não há desculpas para quem não soube agir: existem cursos grátis para aqueles que estão sem dinheiro e, hoje, com a internet, é possível estudar sem nem sair de casa – ter força de vontade é o segredo.

NÃO TENHA MEDO DE INSCREVER-SE
Se você está investindo em sua formação, significa que está preparado para inscrever-se em um processo seletivo. Estude as oportunidades do mercado, analise as empresas para verificar se o seu perfil está aderente aos requisitos da vaga e à cultura do local e arrisque sua chance. Ter confiança em si mesmo é fundamental nesse momento.

SAIBA EXPLICAR SUA SITUAÇÃO
É um fato: se você se inscreveu em um processo seletivo, quando entrarem em contato nas próximas fases, questionarão sua situação profissional. Tenha calma na hora de explicar – ser sincero é essencial. Procure falar, de maneira sucinta, a respeito da demissão e já emende contando que, por mais que esteja sem trabalhar, não ficou parado, e sim investiu na sua carreira.

NÃO COLOQUE A CULPA NOS OUTROS – E NEM SE FAÇA DE VÍTIMA
Caso o recrutador pergunte mais vezes sobre experiências profissionais passadas e os motivos de saída dos empregos anteriores, jamais fale mal de locais em que trabalhou ou colegas de trabalhos antigos – por mais que a experiência tenha sido péssima.
Essa atitude não é bem interpretada em processos seletivos e pode sim eliminar um candidato que demonstra não saber separar problemas emocionais dos profissionais.
A culpa pela saída dos empregos não é sua e nem dos outros. Aconteceu. Explique que estava em busca de novos desafios, que foi cortado por conta da crise, que não havia se encaixado no modo de trabalhar da empresa – só não justifique criticando outras pessoas ou expondo outras organizações.

NÃO DESISTA NA PRIMEIRA TENTATIVA
Estando empregado ou não, nem sempre todos os candidatos conseguem ingressar nas vagas disputadas em um processo. Caso isso aconteça com você na primeira tentativa, não desista, e sim leve a experiência como mais um aprendizado. Pense que você teve a oportunidade de treinar seu posicionamento em dinâmicas de grupo e entrevistas. E aproveite os feedbacks dados ao longo do processo pelo recrutador. Da próxima vez, com certeza você estará mais preparado para o desafio.

rh
About mkt

Leave a Reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *